14 de agosto de 2015

PF apura superfaturamento na obra da Arena Pernambuco para Copa

Operação Fair Play mira contrato com Odebrecht, que nega irregularidades.
A investigação diz ainda que houve fraude na licitação da obra.


A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira a Operação Fair Play, que apura superfaturamento na construção da Arena Pernambuco, no município de São Lourenço da Mata, na Região Metropolitana do Recife. A obra foi construída pela empreiteira Odebrecht, que é alvo de buscas em São Paulo, assim como o Comitê Gestor de Parcerias Público-Privadas de Pernambuco.
A construção da Arena Pernambuco foi lançada ainda na gestão do ex-governador Eduardo Campos (PSB), morto num acidente aéreo em agosto do ano passado. O custo inicial da construção do estádio era R$ 479 milhões, mas, no fim das contas, a obra saiu por R$ 743 milhões. Informações preliminares dão conta que os serviços estariam inflados em, pelo menos, R$ 42,8 milhões. Ao todo, a PF cumpre dez mandados de busca e apreensão em Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Salvador e Belo Horizonte. A PF fará uma coletiva na manhã hoje, no Recife, para dar mais detalhes sobre o caso.
A Odebrecht é investigada na Lava-Jato sob acusação de formar cartel para superfaturar obras públicas e corromper servidores, partidos e politicos. A empreitera tem negado as acusações.
O presidente da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, foi preso em junho, acusado de envolvimento no esquema de cartel e desvio de verbas da Petrobras. Marcelo e outros dirigentes da empresa são acusados de crimes nas obras da Refinaria Abreu e Lima, também em Pernambuco, do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj) e da sede da Petrobras em Vitória, no Espírito Santo.
O grupo também é investigado pelos contratos de compra de nafta pela Petroquímica Braskem (controlada pela Odebrecht em sociedade com a Petrobras) e pelos contratos de navios-sonda para exploração de petróleo em alto mar com a Sete Brasil, empresa criada pela Petrobras. 
O nome da operação remete à abertura da Copa das Confederações no Brasil, em 2013. Na ocasião, o presidente da Fifa, Joseph Blatter, pediu "fair-play" (conduta leal) à torcida que vaiava a presidente Dilma Rousseff (PT) no Mané Garricha, em Brasília.
A reportagem do Diario entrou em contato com a assessoria de imprensa da construtora, mas não obteve retorno. Já o governo de Pernambuco deve se posicionar após a PF passar todos os detalhes da investigação na coletiva.
Com agências

Policiais federais cumprem mandados de busca e apreensão no escritório da Odebrecht no Recife desde as 8h desta sexta  (Foto: Camila Torres / Globo Nordeste)Policiais federais cumprem mandados de busca e apreensão no escritório da Odebrecht no Recife nesta sexta-feira na Operação Fair Play (Foto: Camila Torres / Globo Nordeste)


Um comentário:

Geyrison Erikson disse...

Mas saiu antes da copa que gastaram menos que o previsto! Quem entende?

Arquivo do blog

Traduzido Por: Template Para Blogspot - Designed By Seo Blogger Templates